Se tem algo que pode mudar a história de uma empresa, de qualquer marca ou mesmo de uma escola, é a criação de conteúdo. Nesse sentido, o webinar é uma das estratégias mais promissoras e mais rentáveis para qualquer um.

De fato, em tempos tão concorridos como os atuais, em que as pessoas disputam alguns poucos segundos de atenção na internet, a criação de conteúdos de qualidade tem se mostrado como uma das alternativas para se destacar na multidão.

Basta pesquisar algo como assistência técnica de informática computador em um dos grandes motores de busca da internet, para encontrar centenas ou milhares de resultados, alguns deles com geolocalização, que indicam os mais próximos de nós.

Tudo isso aponta para várias tendências das novas gerações, que são consumidores vorazes de conteúdos originais e de qualidade, além de buscarem marcas que consigam fornecer experiências marcantes e não apenas uma relação fria de compra e venda.

Aí é que entra o marketing de conteúdo, com o esforço de entender quais são os assuntos que têm o maior potencial de engajar o público, agregando valor a ele e aproveitando para atrair as pessoas certas com mais assertividade.

Porém, hoje a ideia de que o marketing de conteúdo e o inbound marketing são diferenciados já se popularizou, de modo que qualquer um pode fazê-lo. Mas certamente não é todo mundo que pode fazer isso com qualidade e de modo sustentável.

Afinal, se uma marca de câmera de monitoramento alta resolução quer educar seu público-alvo, atrair cada vez mais leads e oportunidades e fortalecer-se no mercado, ela vai precisar de estratégias sólidas e de uma frequência na criação de conteúdos.

Também é aí que entra o diferencial do webinar, essa espécie de seminário online que é um tipo de conteúdo muito mais elaborado, e que conta com um dos maiores artifícios para chamar atenção das pessoas na internet: o audiovisual.

Afinal, se uma imagem diz mais que mil palavras, um vídeo diz mais que mil imagens, não é mesmo? Por isso decidimos escrever este artigo, trazendo aqui vários conceitos que fazem toda a diferença na hora de criar esse tipo de conteúdo.

Ao explicar por que vale a pena investir em um webinar, também traremos dicas práticas e conselhos sobre como tornar essa estratégia uma realidade do marketing da sua empresa, com a devida frequência e qualidade necessária.

O mais bacana é que hoje esse tipo de posicionamento evoluiu tanto, que já é possível aproveitar os webinars para qualquer segmento ou nicho de mercado, sem contraindicações quanto ao setor em que a marca atua.

Então, seja para falar sobre moda, política ou projeto de instalações elétricas basta seguir adiante na leitura, pois este conteúdo pode ajudá-lo a criar aulas memoráveis, que vão atrair muito mais gente e converter muito mais alunos e clientes.

 

Webinar: do que se trata?

 

Como vimos, uma das grandes riquezas do webinar é o fato de que se trata de um formato feito em multimídia, com o recurso do audiovisual, que permite que as pessoas assistam e ouçam sem precisarem fazer muito esforço para isso.

Não que os conteúdos escritos e que os textos não tenham sua função e até seu poder de atrair pessoas, mas é inegável que o vídeo chama muito mais atenção.

Se isso já é verdade, no caso do webinar temos um exemplo ainda melhor, pois ele tem um alto poder de transmitir conteúdo e conhecimento, como uma aula. O que quer dizer que a pessoa que fala através dela ganha muitos pontos em termos de autoridade.

O tempo médio de duração de um webinar deve ser de uma hora. Então, pare para pensar: se uma determinada marca grava um vídeo assim sobre algo como iluminação a led industrial, a conclusão que você tira é que a pessoa entende do assunto, certo?

Com isso a autoridade da pessoa e da marca vão se firmando no espaço digital, então a fama vai crescendo e as oportunidades vão surgindo. A mais imediata é, evidentemente, o fato de que a audiência e o tráfego aumentam gradativamente.

Além disso, o poder de compartilhamento que o webinar tem também é muito grande, sendo que em alguns casos pode até mesmo atingir o que chamamos de viralização, que é quando você faz um buzz (burburinho) e se torna falado no seu nicho.

Por fim, precisamos lembrar que autoridade atrai autoridade, então se você fizer webinars realmente memoráveis, com certeza outras autoridades da sua área vão começar a prestar atenção em você, e daí poderão surgir parcerias incríveis.

Tudo isso de modo acessível a qualquer pessoa, pois a internet democratizou esse tipo de recurso estratégico. No fundo, você precisa apenas de uma câmera, que pode ser a do seu próprio celular, o que mostra um custo-benefício realmente extraordinário.

 

Dando os primeiros passos

 

Antes de seguir com as vantagens e benefícios de começar a produzir webinars para o seu negócio, vamos falar um pouco sobre o processo na prática, ou seja, sobre como colocar a mão na massa.

Lembrando que isso também demonstra, paralelamente, uma das principais vantagens do webinar, que é justamente o fato dele ser acessível e poder ser desenvolvido por qualquer pessoa.

O mais bacana é que se você lida com algo muito técnico como conserto de chiller água quente, e portanto se sente inseguro para gravar um conteúdo de cerca de uma hora de duração, nada o impede de começar aos poucos, com outros formatos.

Algumas dessas modalidades mais simples de criação de conteúdo são:

  • Blog posts;
  • Postagens de mídia social;
  • Infográficos;
  • E-books e checklists;
  • Vídeos menores;
  • Podcasts;
  • Áudios explicativos.

Enfim, há várias outras modalidades de criação de conteúdo que podem ajudar a ganhar fluência não apenas na sua forma de se expressar, mas também para ganhar maior domínio do processo criativo, como a fluência em agendas editoriais.

Se você vai postar nas redes sociais, por exemplo, vai precisar criar um compromisso com o seu público e trazer novidades a cada dois ou três dias, no máximo.

Ao mesmo tempo, você aprende a tirar proveito de conteúdos seriados. Se você quer falar sobre mesa de som 8 canais, pode começar com outras mesas que tenham menos canais, e depois chegar àquele que era seu alvo desde o começo.

Igualmente, vários posts de internet podem redundar em um post de blog, que costuma ser um material um pouco mais rico e que engaja mais. Adiante, a junção de vários artigos do blog podem compor um e-book, que é um livro eletrônico, e daí em diante.

Quando você vai ver, com a prática e o amadurecimento, virá a segurança necessária e toda a disciplina para criar webinários épicos, que farão a diferença para você e seu público.

 

Dominando o funil de vendas

 

Hoje em dia, não é possível falar sobre estratégias de marketing digital sem falar em funil de vendas.

Trata-se daquelas etapas que um lead precisa percorrer para ir do estágio de quem ignora a existência da sua marca ou solução até a de um cliente fidelizado.

De fato, uma empresa que presta uma solução como uma construção comercial, que é algo relativamente novo no cenário nacional, pode ter vários clientes em potencial que nem sabem que esse serviço existe.

Portanto, também é interessante investir nos webinários porque eles têm o poder de educar o público-alvo com mais profundidade e assertividade.

Além disso, você mostra de maneira bastante pedagógica como aquela solução pode facilitar a vida das pessoas, e com isso, encurtar o funil de vendas e acelerar os resultados.

 

Qual é o melhor webinar?

 

Depois de explorar todas as vantagens e benefícios da criação de conteúdo no formato de webinário, além de já ter explicado como é possível dar os primeiros passos mesmo sem nenhuma experiência, vamos entender melhor outros diferenciais.

No fundo, o maior diferencial que seu webinário pode ter é o de se destacar na multidão, por ter um conteúdo mais denso do que os outros e uma didática mais chamativa.

Sobre o conteúdo, valem as dicas que demos acima: quanto mais você praticar em outros formatos, melhor vai dominar os seus próprios assuntos. Quanto à didática, uma regra de ouro é fazer um planejamento e um script.

Se você vai gravar um vídeo sobre luminária de teto, é claro que ele precisará ter começo, meio e fim, e idealmente até uma vinheta bacana para a pessoa já se conectar desde os primeiros segundos.

Mas que tal falarmos sobre esquematização das cenas, sobre roteirização e sobre captação de audiovisual? Em suma, você pode profissionalizar sua produção, fazendo vídeos com uma qualidade elevada, que poucas pessoas fazem.

Ao dar esse passo, você começa a se preocupar não apenas com o conteúdo, mas também com a câmera, o microfone, as lentes, a iluminação e todos os demais fatores técnicos.

 

Considerações finais

 

Tudo o que dissemos acima deixa bastante claro por que investir em um webinar, além de trazer alguns conselhos sobre como fazer isso.

No fim das contas, uma das maiores riquezas dessa estratégia é a de que ela consegue chamar atenção, gerar engajamento, aumentar a conversão de vendas e fortalecer a marca, tudo ao mesmo tempo.

Agora, basta colocar em prática e começar a produzir conteúdos nesse formato, confirmando no seu próprio caso como tudo isso é verdadeiro e importante.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.